Boa tarde! Hoje é quinta-feira, 22/10/2020.
 
CUT Nacional
CUT RS
CNM/CUT
FTMRS
Gross & Klein


Dilma: remédios para asma estão disponíveis em 20 mil farmácias de todo o país
26/06/2012

O Sistema Único de Saúde (SUS) está distribuindo gratuitamente, desde o dia 4 de junho, três remédios para a asma. Os medicamentos estão disponíveis nas 20 mil farmácias do programa Aqui Tem Farmácia Popular, informou hoje (26) a presidenta Dilma Rousseff na coluna Conversa com a Presidenta. Ela esclareceu à empregada doméstica Luzinete Ribeiro, moradora de Recanto das Emas (DF), que é preciso apresentar a receita médica dentro do prazo de validade, documento com foto e CPF para retirar o remédio. A receita pode ser emitida por um médico particular ou do SUS.

“Esperamos diminuir o número de internações por asma. Os medicamentos para asma se somam aos que já eram distribuídos gratuitamente para hipertensão e diabetes, que foram retirados, somente em maio deste ano, por 4,2 milhões de pessoas”, disse a presidenta.

Dilma também explicou ao comerciante Antônio L. dos Santos, de Ponta Grossa (PR), que o Plano Estratégico de Fronteiras foi lançado em 2011 para aumentar o controle e a segurança das fronteiras do país. Segundo a presidenta, as ações realizadas pelas operações Ágata, das Forças Armadas, e Sentinela, da Polícia Federal, já desarticularam 42 quadrilhas transnacionais, prenderam 7,5 mil pessoas em flagrante, apreenderam 170 toneladas de drogas, 7 milhões de pacotes de cigarros contrabandeados, 650 quilos de explosivos e mais de R$ 7 milhões em notas.
“Vamos também ampliar o contingente da Polícia Federal e da Polícia Rodoviária Federal para intensificar o policiamento e os trabalhos de investigação. E vamos repassar R$ 150 milhões aos onze estados fronteiriços, para que estruturem suas ações de segurança”, informou.

Na coluna da semana, a presidenta Dilma também informou à moradora de Feira de Santana (BA) Ana Helena S. Silva, que o governo federal possui diversos programas de apoio às artes, como os editais Myriam Muniz (teatro) e Klauss Vianna (dança).

Esses editais, explicou, são abertos anualmente pela Funarte (Fundação Nacional de Artes) para interessados de qualquer parte do país. Em 2011, segundo a presidenta, foram destinados R$ 12 milhões para o teatro e R$ 6 milhões para a dança. Em julho, acrescentou, serão lançados editais nas áreas de teatro, dança, circo, música e artes visuais.

“Outro instrumento disponível, principalmente para projetos de maior porte, é o de incentivo fiscal, que permite a pessoas físicas e empresas abater do Imposto de Renda o valor total ou parcial do patrocínio. Em 2011, esse mecanismo proporcionou mais de R$ 1,2 bilhão em investimentos culturais”, disse Dilma.

Por: Blog do Planalto

 
   
Rua Alberto Schmidtt nº 208 - Centro - Sapiranga/RS - Fone: 3599-1225 - e-mail: stmetal@gmail.com
Copyright © Sindicato dos Metalúrgicos de Sapiranga :::
Expediente