Boa tarde! Hoje é segunda-feira, 03/08/2020.
 
CUT Nacional
CUT RS
CNM/CUT
FTMRS
Gross & Klein


Documento orienta sobre câncer relacionado ao trabalho
19/07/2012

O Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA) lançou o documento “Diretrizes para a vigilância do câncer relacionado ao trabalho” no final de abril. O objetivo é dar subsídios técnicos e epidemiológicos ao profissional de saúde para a realização de uma anamne¬se ocupacional. Assim, será possível buscar indícios de contato com compostos potencialmente cancerígenos presentes no ambiente e nos processos de trabalho.

A elaboração do manual contou com uma equipe de pesquisadores e profissionais com experiência nas áreas de prevenção, assistência e vigilância do câncer, entre eles, Arline Arcuri, da Coordenação de Higiene do Trabalho da Fundacentro.
“Fizemos essas diretrizes porque há um sub-registro dos casos relacionados ao trabalho. O documento é importante por chamar atenção para isso, pois são poucas as ocorrências que recebem o nexo com o trabalho”, explica Arline.

O INCA estima a ocorrência de 518.510 casos novos de câncer para 2012 no Brasil. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), aproximadamente 80% das ocorrências de câncer estão relacionadas a fatores ambientais, em maior ou menor grau, evitáveis. Esses fatores envolvem água, terra, ar, ambiente de consumo (alimentos, medicamentos, fumo, álcool e produtos domésticos), ambiente cultural (estilo, costumes e hábitos de vida) e ambiente ocupacional.

O câncer do pulmão é apontado como o segundo tipo mais incidente entre os homens brasileiros. As estatísticas europeias
projetam que um em cada dez casos desse câncer pode ser decorrente do trabalho. No Brasil, ocorreram 1.780 casos de câncer do pulmão relacionados ao trabalho em 2010.

Por: Central Única dos Trabalhadores

 
   
Rua Alberto Schmidtt nº 208 - Centro - Sapiranga/RS - Fone: 3599-1225 - e-mail: stmetal@gmail.com
Copyright © Sindicato dos Metalúrgicos de Sapiranga :::
Expediente