Boa tarde! Hoje é quinta-feira, 22/10/2020.
 
CUT Nacional
CUT RS
CNM/CUT
FTMRS
Gross & Klein


CNM/CUT e Dieese divulgam balanço das negociações coletivas dos metalúrgicos no país
03/10/2007

Você sabe quanto os trabalhadores metalúrgicos receberam de aumento neste ano? Veja aqui o resultado das negociações coletivas realizadas em 2007, no balanço divulgado pela subseção Dieese da Confederação Nacional dos Metalúrgicos (CNM/CUT).

Só no estado de São Paulo, os aumentos representarão um acréscimo de R$ 55,2 milhões por mês. No total, os quase 250 mil metalúrgicos paulistas injetam R$ 741,8 milhões mensais na economia, somando, em um ano, um total de R$ 9,9 bilhões*, se considerarmos o recebimento de 13º salário e férias.

A subseção Dieese também apresentou um painel (veja no site www.cnmcut.org.br) com 56 Sindicatos de Trabalhadores Metalúrgicos dos 75 filiados à CNM/CUT que possuem data base de janeiro a setembro. Porém, um dos sindicatos ainda está em processo de negociação.

Os 75 sindicatos possuem cerca de 780 mil trabalhadores, e os documentos utilizados cobrem 81,2% desse total de metalúrgicos, sendo portanto, uma amostra significativa das negociações no país.

Das 57 Convenções Coletivas de Trabalho, três sindicatos tiveram, além do reajuste, abono salarial. Em dois documentos, também ficou acertado antecipação salarial de 1% e de 1,5%. A maior concentração está na faixa de 1,51% a 2,50% de aumento real e o reajuste médio da categoria, nacionalmente, ficou em 2,3% de aumento real, acumulando de 2004 até 2007 um aumento real médio de 9,4%. No que diz respeito ao piso salarial, a maior parte dos pisos tiveram reajustes acima do aplicado aos salários, resultando em 66% com valores acima de R$ 501,00.

'Os números mostram a importância dos trabalhadores metalúrgicos na economia brasileira. Imagine quantos empregos serão criados nas localidades onde os trabalhadores moram, movimentando o comércio quando o dinheiro dos reajustes for injetado na economia', disse o presidente da CNM/CUT, Carlos Alberto Grana.


*A base de cálculo desse valor é o salário e o número de trabalhadores de dez/2005, com valores da massa salarial atualizados a preços de agosto de 2006 pelo INPC.

Por: CNM/CUT - Assessoria de Imprensa

 
   
Rua Alberto Schmidtt nº 208 - Centro - Sapiranga/RS - Fone: 3599-1225 - e-mail: stmetal@gmail.com
Copyright © Sindicato dos Metalúrgicos de Sapiranga :::
Expediente