Bom dia! Hoje é sábado, 15/08/2020.
 
CUT Nacional
CUT RS
CNM/CUT
FTMRS
Gross & Klein


Com mais de 300 mil vagas, criação de empregos bate recorde no país em abril
19/05/2010

Em 4 meses, geração de empregos no Brasil alcança patamar registrado em todo o ano passado. Com os 305.068 novos postos de trabalho gerados em abril, soma em 2010 chega a 962.327 novos empregos. Resultado é recorde para o mês e segundo maior da história.

Em abril deste ano foram gerados no Brasil 305.068 novos postos de trabalho, recorde para o mês, recorde para o 1º quadrimestre e segunda melhor marca já registrada levando-se em conta todos os meses, somente atrás de junho de 2008 (309.442). Os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho e Emprego foram divulgados nesta terça-feira.

Somente em 2010, 962.327 trabalhadores brasileiros conseguiram emprego com carteira assinada, patamar semelhante ao alcançado em todo o ano de 2009. Nos últimos 12 meses, o incremento total de empregos foi de 1.908.983 postos de trabalho, elevação de 5,9%. Com o resultado, o Brasil chega à marca de 41,4 milhões de trabalhadores com emprego formal e direitos trabalhistas garantidos.

Os setores que mais geraram empregos no mês foram Serviços (96.583), Indústria de Transformação (83.059), Comércio (40.725), Agricultura (38.951) e Construção Civil (38.418). Dos 25 subsetores da economia, 13 registraram recordes. As safras de cana-de-açúcar e café no Sudeste e os investimentos públicos em infraestrutura em todo o Brasil promoveram resultados recordes para Agricultura e Construção Civil.

Todas as regiões obtiveram expansão no emprego, com saldos recordes para Sul (53.363) e Centro-Oeste (31.498). Vinte e quatro estados apresentaram elevação no emprego formal celetista, com 12 deles registrando saldos recordes.

Por: Boletim Em Questão - Secom

 
   
Rua Alberto Schmidtt nº 208 - Centro - Sapiranga/RS - Fone: 3599-1225 - e-mail: stmetal@gmail.com
Copyright © Sindicato dos Metalúrgicos de Sapiranga :::
Expediente