Bom dia! Hoje é sexta-feira, 14/08/2020.
 
CUT Nacional
CUT RS
CNM/CUT
FTMRS
Gross & Klein


CUT-RS considera positivo o reajuste do piso apresentado pelo governo do Estado
24/02/2011

Governador atende reivindicação da classe trabalhadora e apresenta proposta de reajuste de 11,6%, iniciando um processo de recuperação e valorização do piso regional, que nos governos de Rigotto e Yeda acumulou perdas de 27,41%

Em coletiva de imprensa realizada na tarde desta quarta-feira, 23, o governador Tarso Genro apresentou a proposta de reajuste do piso regional de 11,6%. O presidente da Central Única dos Trabalhadores do Rio Grande do Sul, Celso Woyciechowski, considera a proposta positiva no sentido de que apresenta uma sinalização de retomada em busca da recuperação do piso regional, o que vem de acordo com a reivindicação feita pela CUT-RS e demais centrais sindicais.

Além disso, o governo propõe a criação de uma comissão para construir uma política de valorização permanente do piso regional, a fim de recuperar a enorme perda que teve desde a sua criação. Quando foi criado, em 2001, o piso equivalia a 1,28 salários mínimos nacional. Hoje, este valor representa apenas 1,07 salários mínimos, acumulando uma perda de 27,41%.

“É claro que estes 11% estão aquém da expectativa das trabalhadoras e trabalhadores gaúchos, mas já se inicia um processo de retomada de crescimento e valorização do piso regional, além de estancar a sua queda”, afirma Woyciechowski.

Veja a alteração dos valores das faixas salariais com o reajuste de 11,6%:

Faixa I – R$ 610,00
Faixa II – R$ 624,05
Faixa III – R$ 638,10
Faixa IV – R$ 663,40

Por: CUT - RS

 
   
Rua Alberto Schmidtt nº 208 - Centro - Sapiranga/RS - Fone: 3599-1225 - e-mail: stmetal@gmail.com
Copyright © Sindicato dos Metalúrgicos de Sapiranga :::
Expediente